Revista Layse Almada com brinde orgásmico 5ml/g

Entregas para o CEP:
Meios de envio

Layse almada, ilustradora e tatuadora, nascida e criada no norte do Brasil, há 5 anos reside na cidade de São Paulo.
começou a trabalhar de forma independente com ilustrações em 2013/2014, tendo publicações na Vice Brasil, playboy Colombia, revista “Ideia Fixa” e participação nos programas, sem censura Pará, “decora” da GNT,  “Amor e sexo” da TV globo.

Também atua há 4 anos com tatuagens autorais, onde encontrou uma forma de trabalhar a autoestima, ressignificando corpos através dos desenhos. O Desenho surgiu como uma forma de cura e autoconhecimento, comunicar visualmente com outras mulheres, entendo que desenhar mulheres pode ir além da representatividade e construção de identidade, é falar sobre existir em sociedade, ser vista, ser ouvida. Ocupar lugares.

Nos desenhos, procuro abordar o autoconhecimento, ponto de partida diário de reflexão, como forma de quebra de tabus e visibilidade de corpos diversos. Através da representação da nudez, layse tenta propor uma perspectiva onde a mulher sai do papel normativo de objeto e assume a criação da narrativa, se questionando sobre a construção da feminilidade, do erotismo e todos os moldes de uma sociedade patriarcal, binária e heteronormativa.  

Acredito que a potência de existir também está nas trocas diárias de afeto e em como se vive. Falar sobre gênero e sexualidade a partir dessa perspectiva onde não se nasce mas se constrói, pode romper expectativas de gênero e as possíveis formas de relações entre elas.
 

@laysealmada